REGIÃO: Deputados do PSD questionam o Governo sobre impactos da seca severa e falta de água

2022-07-15 11:29:43

Na região de Trás-os-Montes há aldeias que estão a ser abastecidas pelos bombeiros devido à seca severa.


Os deputados do Partido Social Democrata (PSD) questionaram o Ministro do Ambiente e da Ação Climática, Duarte Cordeiro, sobre soluções para enfrentar os impactos da seca severa e da falta de água em Trás-os-Montes.
Segundo os sociais-democratas, “os impactos da seca severa em Trás-os-Montes estão a assumir níveis muito preocupantes no contexto nacional face à redução da disponibilidade de recursos hídricos” e exigem medidas extraordinárias para acautelar o acesso à água.

A título de exemplo, os deputados em causa abordam a capacidade de armazenamento na bacia hidrográfica do Douro que se situa nos 55% e da albufeira de Alijó que regista níveis de 40% quando costumavam estar acima dos 80%, assim como outras albufeiras dos distritos de Vila Real e de Bragança.

No Alto Tâmega, face aos baixos níveis das albufeiras dos Pisões e do Alto Rabagão, em Montalegre “têm vindo a ser cancelados eventos que estavam previstos para as suas águas, para além das restrições à produção de hidroeletricidade, sendo que o município anunciou a preparação de um plano de contingência para enfrentar seca no verão”.

Na freguesia de Vilar de Nantes, em Chaves, os bombeiros estão a abastecer diariamente os depósitos de água devido à seca e ao consequente enfraquecimento da nascente que serve uma parte da população daquela freguesia mas há também outras aldeias em situação semelhante, recordam os deputados do Grupo Parlamentar do PSD que se mostram preocupados com o agravamento das condições meteorológicas e referem que “é importante acautelar a segurança do abastecimento de água às populações nos próximos meses”.

Os 18 deputados pedem ao Ministro Duarte Cordeiro um ponto de situação ao nível do abastecimento de água nos distritos de Vila Real e de Bragança, que medidas específicas, de curto prazo, estão a ser adotadas para garantir as necessidades e se há algum plano de contingência para o conjunto do território. Este grupo parlamentar questiona ainda “para quando se prevê a elaboração do Plano Regional de Eficiência Hídrica”.

Sara Esteves
Foto: DR


Subscrever newsletter



Login



Recuperar acesso