MONTALEGRE: Produtores ''atentos'' ao processo de secagem e cura do presunto

2022-11-13 10:15:02

''Cura e Secagem do Presunto Tradicional'' foi o tema de duas sessões de capacitação, promovidas pela Associação dos Produtores de Fumeiro da Terra Fria Barrosã.


A Associação dos Produtores de Fumeiro da Terra Fria Barrosã (APFTFB) promoveu no sábado, 12 de novembro, no Pavilhão Multiusos de Montalegre um conjunto de sessões de esclarecimento e capacitação sobre o presunto, direcionadas aos produtores do concelho. A ação de capacitação conjunta foi dedicada ao tema da ''Cura e Secagem do Presunto Tradicional'', sensibilizando os produtores para aspetos relacionados com a cura e secagem de presunto, nomeadamente no que se refere às implicações sensoriais, para a segurança alimentar e rendimento. Na segunda parte desta ação foi analisado um caso prático de produção de presunto numa cozinha tradicional de fumeiro de referência do concelho.

Estas sessões gratuitas visam ''disseminar conhecimento acerca das novas tendências de consumo e adequar o sistema de produção atual para fazer face aos efeitos das alterações climáticas'' e decorrem no âmbito do projeto Fumeiro e Presunto de Montalegre – Qualificar, Diferenciar e Posicionar, que resulta de uma candidatura aprovada ao Sistema de Incentivos às Ações Coletivas, do Norte 2020. No total vão ser promovidas mais duas ações de capacitação, num total de oito e três visitas de estudos.

Na abertura das sessões gratuitas esteve presente a Presidente do Município de Montalegre, Fátima Fernandes e o Presidente da Associação dos Produtores de Fumeiro de Montalegre, Boaventura Moura. Já as sessões foram dinamizadas pelo professor Luís Patarata da Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro.

O Fumeiro de Montalegre é um produto de excelência e a Associação dos Produtores de Fumeiro da Terra Fria Barrosã (APFTFB) está motivada em preservar este reconhecimento e sabor.

Sara Esteves

 


Subscrever newsletter



Login



Recuperar acesso