Boticas “ilumina-se” para o Natal reduzindo o consumo de energia e o horário

2022-12-13 18:30:11

Autarquia apostou em iluminações de Natal com lâmpadas LED e reduziu o período de duração em que a luzes estão ligadas.


As ruas e pontos mais emblemáticos da vila de Boticas já se encontram iluminadas como forma de assinalar as festividades de Natal e Ano Novo.

Este ano, e tendo em conta a crise energética que o país atravessa, a autarquia decidiu apostar na utilização de iluminações de Natal mais eficientes e económicas, nomeadamente lâmpadas com tecnologia LED, e reduzir ao período de duração em que a luzes estão ligadas, de forma a garantir diminuição dos gastos com a eletricidade em relação à quadra festiva de 2021.

Com as ruas, jardins, praças e também a Igreja de Nossa Senhora da Livração iluminadas e decoradas a preceito para a ocasião que se avizinha, a Câmara de Boticas pretende atrair mais gente ao centro da vila e, ao mesmo tempo, dinamizar o comércio tradicional.

Além das iluminações festivas, a autarquia manteve a aposta na colocação da pista de gelo ecológico na Praça do Município, que não tem qualquer consumo de energia, mais uma das atrações à sede de Concelho e, em simultâneo, uma forma de ocupar os tempos livres das crianças e jovens que em breve estarão de férias escolares.

A inauguração da pista está prevista para a próxima sexta-feira, dia 16 de dezembro, por ocasião da abertura oficial do Mercado de Natal promovido pela Mais Boticas – Associação Empresarial Botiquense, e vai manter-se em funcionamento até ao dia 2 de janeiro de 2023.

Segundo o Presidente da Câmara de Boticas, Fernando Queiroga, “torna-se fundamental criar dinâmicas que atraiam mais pessoas ao centro da vila e, sem dúvida, que a iluminação de Natal, bem como a pista de gelo vão contribuir para que haja maior movimentação nas ruas, sendo um incentivo extra para o comércio tradicional, em especial nesta fase de recuperação económica pós pandemia”. “Não descuramos também a crise energética que atravessamos e decidimos reduzir os gastos com a iluminação de Natal, utilizando tecnologia de baixo consumo, ligando as luzes uma semana depois do habitual e ainda reduzindo o horário diário de funcionamento”, acrescentou o autarca.

 


Subscrever newsletter



Login



Recuperar acesso