MONTALEGRE: Câmara cede instalações à Cooperativa Agrícola

2023-01-11 10:08:29

Protocolo de cedência de instalações foi assinado na segunda-feira, 9 de janeiro, na Câmara Municipal de Montalegre.


A Câmara Municipal de Montalegre vai ceder à Cooperativa Agrícola de Montalegre as instalações Fração A - Tesouraria do Edifício das Finanças, em Montalegre, e o Armazém da Batata e Posto de Transformação, no Barracão, por um período de 50 anos, anunciou a autarquia.

Segundo a Presidente da Câmara de Montalegre, e no âmbito da transferência de competências, designadamente do Património do Estado, a Câmara de Montalegre solicitou ao Estado vários edifícios, entre eles a Tesouraria das Finanças e o Armazém do Barracão. “A cedência foi concedida no sentido de podermos alocar esses edifícios ao serviço da Cooperativa Agrícola de Montalegre. O armazém, situado no Barracão, vai servir os produtores de batata e outras atividades que a Cooperativa entenda fazer. A Tesouraria das Finanças vai ser utilizada para os serviços administrativos e também para o atendimento aos agricultores. A Câmara de Montalegre cumpriu a sua obrigação de reclamar para o território estes mesmos edifícios e não deixar que fiquem degradados como tantos outros”, referiu Fátima Fernandes.

O protocolo de cedência de instalações foi assinado na segunda-feira, 9 de janeiro, na Câmara Municipal de Montalegre na presença da autarca Fátima Fernandes e de Nuno Sousa, Presidente da Coopbarroso. “A Cooperativa tem crescido ao longo dos últimos anos e precisa de espaços maiores para poder albergar tudo aquilo que é o serviço da Cooperativa. Através do município de Montalegre, conseguimos dois edifícios que são do Estado. Passamos a ter outro tipo de condições para trabalhar e fazer investimentos. A parte administrativa passa a ter, também, outro tipo de condições. Recentemente passamos a ter os serviços e o pessoal da OPP - Organização de Produtores Pecuários. São mais 14 pessoas a trabalhar. Ao todo, passam a ser quase 30 pessoas. Tínhamos de ter um espaço para dar condições a estas pessoas e servir os agricultores da melhor forma. Foi isso que foi feito. Com a assinatura destes protocolos, pensamos iniciar o processo de transferência o mais rápido possível”, explicou Nuno Sousa, Presidente da Coopbarroso.

A Cooperativa Agrícola do Barroso, cuja área geográfica de intervenção se situa no concelho de Montalegre e concelhos limítrofes, foi criada em 2014 e é composta por elementos das três associações de agricultores existentes no concelho. Esta instituição surgiu com o objetivo de apoiar a agricultura e as zonas rurais, contribuindo para o fomento técnico e económico das explorações. A Coopbarroso é a entidade gestora da denominação «Carne de Bovino Cruzado dos Lameiros do Barroso — IGP e é constituída pela Secção Pecuária e Agro?Florestal, Secção de Aprovisionamento e Secção de Serviços Agro Rurais.

Sara Esteves

 


Subscrever newsletter



Login



Recuperar acesso