MONTALEGRE: Rainha do Fumeiro decorre até domingo

2023-01-20 10:14:28

32ª edição da Feira do Fumeiro já está de portas abertas no Pavilhão Multiusos de Montalegre.

Está aberta a XXXII Feira do Fumeiro e Presunto de Barroso. Depois do sucesso da primeira ''Sexta 13'' do ano, a vila de Montalegre acolhe, até domingo, a ''rainha do fumeiro''. O cartaz foi inaugurado por Isabel Ferreira, Secretária de Estado do Desenvolvimento Regional. As previsões apontam para 50 mil visitantes. No discurso de abertura, a presidente da autarquia, Fátima Fernandes, projetou um negócio avaliado em seis milhões de euros: «representa um negócio superior a um milhão de euros em vendas diretas na feira, mas se associarmos este valor ao movimento hoteleiro e gastronómico que esta proporciona em termos de atração e crescimento turístico e à venda que os produtores já asseguraram antes e depois da Feira, bem como de outros produtos que não o fumeiro, podemos avaliar que tudo isto representa um negócio de cerca de 6 milhões de euros por ano».

A Presidente da Câmara de Montalegre, referiu que ''é um gosto receber tanta gente logo no primeiro dia. Foi uma abertura verdadeiramente excecional. Tem a ver, também, com as saudades que as pessoas tinham de circular livremente. Fazia falta. A neve que nos veio visitar é um trunfo. Os montes estão brancos. É um atrativo suplementar. Estou convencida que é este afeto, esta proximidade, que trás as pessoas. Gostam do abraço e do sorriso. Os produtos são de excelência. A nossa prioridade é o setor primário. As vendas online são muito significativas.''

Isabel Ferreira, Secretária de Estado do Desenvolvimento Regional presidiu à inauguração do certame e mencionou que ''as expetativas apontam para 50 mil visitantes nesta feira. Isto mostra bem como eventos locais podem mobilizar e atrair pessoas. Há impactos positivos para o território, como a restauração e no turismo. Isto só acontece porque existem produtos de qualidade ímpar, reconhecidos como Património Agrícola Mundial. A organização do evento é excelente. Isto é determinante para os territórios do Interior. Para além dos produtos endógenos, tive oportunidade de dizer que Montalegre tem demonstrado capacidade de atrair investimento empresarial, nomeadamente nas áreas da inovação produtiva. As empresas têm apostado na sua qualificação e internacionalização. Aqui em Montalegre, no programa de apoio à produção nacional, houve um investimento próximo dos dois milhões de euros.''

 


Subscrever newsletter



Login



Recuperar acesso