CHAVES: Vidago evocou fotógrafo que tinha forte ligação à vila

2023-01-23 14:58:11

Artur Patrício nasceu em Lisboa e faleceu há 50 anos. O fotógrafo “amou, honrou e difundiu Vidago”.


A Casa-Museu João Vieira, albergada na Casa Bonifácio Alves Teixeira, em Vidago, prestou no sábado, 21 de janeiro, uma homenagem ao Fotógrafo Artur Patrício, na data em que se comemoraram 50 anos após a sua morte. Um alfacinha que criou uma forte ligação à vila de Vidago, no concelho de Chaves.

Foi no Salão Nobre dos Bombeiros Voluntários de Vidago, e em ambiente descontraído que entre amigos se recordou Artur Patrício, fotógrafo que tanto escreveu e fotografou paisagens e pessoas.

Artur Patrício nasceu em Lisboa a 20 de março de 1890 e faleceu a 17 de janeiro de 1973. A 21 de janeiro de 2023, passam então 50 anos do sepultamento desconsiderado de Artur Patrício, o intelectual, animador cultural e fotógrafo Lisboeta que durante décadas a fio, rumava a Vidago aquando a época balnear e por cá ficava o Verão inteiro, pisando e perpetuando a terra e as gentes de Vidago, aquistas e Vidaguenses, durante a esplendorosa Belle Epoque.

O evento contou com o apoio da Junta de Freguesia de Vidago e da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Vidago.

Foto: DR



 


Subscrever newsletter



Login



Recuperar acesso