V.P.AGUIAR: Autarquia pede para se evitarem atividades sociais

2020-10-19 18:16:42

A Câmara de Vila Pouca de Aguiar, em comunicado, apelou hoje à população para evitar atividades sociais e deslocações desnecessárias.

Numa altura em que os casos ativos de infeção pelo novo coronavírus aumentaram para os 46, Alberto Machado, presidente da Câmara de Vila Pouca de Aguiar, mostrou toda a sua preocupação com o aumento de casos ativos no concelho e em comunicado, a autarquia referiu que «há transmissão comunitária no nosso território não se sabendo todas as origens de contaminação nos casos de coronavírus já registados. A única forma de evitar a contaminação é cumprir o isolamento, mas tal não sendo possível, é de evitar deslocações desnecessárias e atividades sociais. É fundamental proteger as pessoas mais vulneráveis da comunidade como sejam pessoas idosas ou com doenças crónicas. Estão ativas linhas municipais de apoio à comunidade, como sejam a Linha Covid (Telefone 800 203 472) disponível para esclarecer os aguiarenses e pedidos de apoio relativos ao coronavírus e a Linha Comvida (Telefone 259 419 026) criada para dar apoio emocional às pessoas. Todas as pessoas devem adotar medidas preventivas recomendadas pela Direção-Geral da Saúde: Lavar ou desinfetar as mãos regularmente, usar sempre a máscara, evitar contactos a menos de dois metros e se se sentir doente fique em casa».
Recorde-se que segundo os boletins epidemiológicos divulgados pela Unidade de Saúde do Agrupamento de Centros de Saúde do Alto Tâmega, entre sábado e domingo o município aumentou dos 25 para os 46 casos ativos.

PSR

 


Subscrever newsletter



Login



Recuperar acesso