REGIÃO: Boticas é o único Concelho em risco extremamente elevado de contágio

2021-02-22 17:11:38

Segundo a última publicação da Direção Geral da Saúde (DGS), no Alto Tâmega só Boticas permanece em risco extremamente elevado de contágio, tendo os restantes Concelhos passado para níveis mais baixo na escala de gravidade à Coviv-19.
Tendo em conta o rácio de 240 casos ativos por cada 100 mil habitantes, nos últimos 14 dias, a região do Alto Tâmega está em franca recuperação e baixou significativamente, mas segundo o documento da DGS, Boticas tem uma incidência cumulativa a 14 dias acima de 960 casos, estando no patamar de risco extremamente elevado de contágio, o mais grave da tabela.
Entre os 240 e os 479 casos, considerado como de «risco elevado» está Vila Pouca de Aguiar.
Chaves, Montalegre, Valpaços e Ribeira de Pena são os Concelho com maior recuperação. Passaram para «risco moderado», com números abaixo dos 239 novos casos por 100 000 habitantes.
No Alto Tâmega, tendo em conta o rácio de 240 casos ativos por cada 100 mil habitantes, nos últimos 14 dias, Chaves contabiliza 165,2 casos por 100000 habitantes, Vila Pouca de Aguiar 342,8 casos por 100000 habitantes, Valpaços 101,2 casos por 100000 habitantes, Montalegre 100 casos por 100000 habitantes, Ribeira de Pena 99,7 casos por 100000 habitantes e Boticas 1180,5 casos por 100000 habitantes.

Paulo Silva Reis Carlos Daniel Morais


Subscrever newsletter



Login



Recuperar acesso