MONTALEGRE: Secretária de Estado da Inovação visitou futura Loja do Cidadão

2021-11-24 09:46:00

A Secretária de Estado da Inovação e da Modernização Administrativa, Maria de Fátima Fonseca, visitou o andamento dos trabalhos da futura Loja do Cidadão de Montalegre, a ser instalada no Piso 0 do tribunal. A obra, orçada em perto de 400 mil euros, é financiada (85%) pelo Portugal 2020, através do PONorte, e pela União Europeia, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER). Se tudo correr dentro do previsto, a conclusão da empreitada promete estar concluída em meados do próximo ano.

Maria de Fátima Fonseca ficou agradada com os trabalhos que estão a ser realizados na requalificação do Piso 0 do Palácio da Justiça de Montalegre para a instalação da Loja do Cidadão. O investimento de 386.410,67 euros visa concentrar, num único espaço, os diversos serviços que se encontram localizados em diversos espaços da vila de Montalegre.
Para o autarca Orlando Alves «esta é uma visita que nos enche o peito de entusiasmo e de esperança. É um representante do Governo que vem ao encontro de quem se predispõe com o Governo da nação a trabalhar esta parceria. É um investimento que se traduz na modernização e na funcionalidade dos serviços que o Estado presta ao cidadão. Traduz, também, em eficácia, conforto, celeridade e atendimento mais presencial que os cidadãos passam a poder dispor na Loja do Cidadão de Montalegre. Com a concentração destes serviços não estamos só a criar condições para que a acessibilidade às Finanças deixe de ser o calvário que é hoje como estamos também a rentabilizar os espaços, nomeadamente com os consumos energéticos. É uma atitude proativa do concelho de Montalegre para com os objetivos da descarbonização. É uma honra muito grande Montalegre estar nesta linha de relação com a Administração Central.»
A Secretária de Estado vê este investimento com muito entusiasmo. «São obras que vão melhorar as condições de trabalho dos funcionários. É uma loja que vai juntar-se às 62 existentes no território nacional. É muito significativo o trabalho que aqui está a ser desenvolvido. Queremos continuar a investir na modernização em proximidade. Estamos a falar de um projeto que assenta nas parcerias entre a Administração Central e a Local. As autarquias têm tido um papel insubstituível no serviço às pessoas,» disse Maria de Fátima Fonseca.
Com um investimento de 386.410,67 euros, num único espaço,fruto de um protocolo de colaboração entre a Agência para a Modernização Administrativa, Município de Montalegre, Instituto de Gestão Financeira e Equipamentos da Justiça, Instituto dos Registos e Notariado, Autoridade Tributária e Aduaneira e Instituto da Segurança Social, esta obra visa qualificar os serviços de atendimento, descentralizar os serviços públicos, melhorar o acesso das populações aos serviços, maior integração e polivalência na gestão dos recursos, suprimir o distanciamento geográfico, permitir diagnosticar problemas e formular soluções para os mesmos com base na realidade local, simplificar os procedimentos dos serviços públicos, melhorar a eficiência da Administração Pública, reduzir custos na Administração Pública, promover iniciativas integradas de modernização, reorganização dos serviços públicos numa ótica de eficácia e de eficiência, o desenvolvimento de uma Administração Pública em rede, com recurso ao uso intensivo das tecnologias da informação e comunicação enquanto infraestrutura de suporte ao processo de modernização administrativa, assegurar o acesso a todos a sociedade de informação e de conhecimento e incentivar o uso das tecnologias da informação e comunicação.

 


Subscrever newsletter



Login



Recuperar acesso